Blog

A CRIANÇA INTERNA FERIDA & FLORAIS DA DEUSA.

Hoje é dia 12 de outubro – Dia da Criança. Neste dia celebramos a vida que se renova no nascimento de cada criança. Celebramos a alegria, a brincadeira, a inocência. Os adultos lembram de suas próprias infâncias, postam suas fotos de criança nas mídias sociais e celebram as crianças – filhos ou não – que estão nas suas vidas.

Mas para muitos a infância é uma lembrança dolorida, de uma época cheia de dificuldades, sofrimentos, abusos e até mesmo terror.

As pessoas acham que se você sobreviveu – e se você está lendo esta matéria você o fez – você não ficou traumatizado. Como explicamos em um de nossos posts recentes, Cura de Traumas & Florais da Deusa, infelizmente não é assim. Os traços e efeitos de traumas importantes, especialmente os intrauterinos e os da infância, podem permanecer anos no Sistema Emocional e Nervoso da pessoa, trazendo sintomas como dificuldade de se relacionar, de dar limites, de ser abundante, de se achar merecedor de receber as bênçãos e alegrias da vida.

No meu ponto de vista, o que é mais importante para a Cura da Criança Interna Ferida é a pessoa deixar de lado a ladainha “a culpa é da minha mãe ou a culpa é do meu pai”. Como diz o Bert Hellinger em sua maravilhosa síntese das Constelações Familiares, a única obrigação dos pais é dar a vida e se você está aqui vivo sobre a Terra, eles cumpriram lindamente seu compromisso com você. Então, eu penso que a verdadeira cura começa quando você toma para si a tarefa de cuidar de sua criança ferida. Você a recebe, a acolhe, busca ajuda de profissionais do cuidado se ela precisar, investe tempo, dinheiro e dedicação a devolver a esta criança danificada todo o potencial que ela nasceu tendo. Como você faria com seu próprio filho – como você faria com alguém MUITO amado.

Eu me canso um pouco quando tenho clientes que os anos passam e a ladainha do “fui danificada pela minha mãe (ou pai), a culpa é dela (dele) …”. Acredito que tudo é escolha, incluindo a família que vamos nascer. Nada é por acaso, tem alguma coisa para ser vista, resolvida, curada, resgatada ali e enquanto o “mãos à obra” não acontecer, a pessoa segue se sentindo vítima. E vítimas não escolhem – vítimas não têm poder. De modo que meu trabalho e o do Sistema de Cura Essências da Deusa é sempre um convite para que a pessoa venha para a polaridade EU TENHO ESCOLHA, e entenda que não tem ninguém que possa curar a Criança Interna Ferida a não ser ela mesma. É a adulta que cuida desta criança que tem dentro. É a pessoa adulta – que sobreviveu, cresceu e se empoderou – que traz a notícia para a Criança Ferida que ela vai sobreviver. Em última instância, como eu repito tantas vezes – A CURA SÓ COMEÇA QUANDO VOCÊ TOMA PARA SI A TAREFA DE CUIDAR DE DE SUA CRIANÇA FERIDA.

Todos ansiamos por ser bem recebidos, bem amados e bem nutridos, isto é, queremos PERTENCER e nos sentir SEGUROS nas relações. Mas para que isso seja possível, precisamos conversar e entrar em contato com esta parte nossa que foi ferida e não acredita mais que segurança e nutrição possam estar presentes nas relações.

Curar a Criança Interna Ferida é a jornada de nossas vidas. É um de nossos propósitos.

Quer ajuda? Aqui temos algumas ideias:

– Floral Eu Posso Eu Sou.

Florais Mãe Paz

Floral Pai Luz

Floral Superando Traumas

Floral Perdão/Desapego.

Bálsamo harmonização 4 – Chakra do Coração (uso externo)

Floral Coragem

 

E deixamos este último convite:

 

postal-65

  • Arquivos

  • Categorias